Simperj

Sindicato da Indústria de Material Plástico do Estado do Rio de Janeiro
Desde 1947.

Atenção

USO INDEVIDO DA MARCA E NOME FANTASIA “SIMPERJ” POR OUTRA ENTIDADE SINDICAL

Prezados associados e demais interessados, o Sindicato da Indústria de Material Plástico do Estado do Rio de Janeiro identificou que outra entidade sindical, representativa das microempresas e empresas de pequeno porte prestadoras de serviço, vem fazendo uso indevido da marca e nome fantasia SIMPERJ.
Apesar de nosso sindicato possuir o direito de uso exclusivo da marca “SIMPERJ” (conferido pelo INPI) e a anterioridade de registro desta mesma expressão como seu nome fantasia, referido sindicato dos prestadores de serviço vem utilizando o termo “SIMPERJ” em suas operações, o que pode induzir em erro empresas e particulares.
Diante deste quadro o Sindicato da Indústria de Material Plástico do Estado do Rio de Janeiro comunica que todas as ações possíveis estão sendo tomadas a fim de sanar o problema. Eventuais dúvidas deverão ser enviadas para o endereço eletrônico simperj@simperj.org.br ou esclarecidas pelos telefones 2220-9726 / 98772-7936.

Enquete

Aguarde até a próxima enquete.


Sua opinião nos ajudará a desenvolver o setor de plásticos, tornando-o mais dinâmico e atendendo às expectativas dos transformadores e do público em geral.

Opinião

FEIRA K – Apresentação da prévia, em Dusseldorf, Alemanha

Em Maio deste ano, o diretor do Jornal dos Plásticos, o Sr Angelo Sardinha, teve uma idéia que a princípio me deixou um pouco preocupado mas, que pouco a pouco, foi se mostrando muito sagaz. Convidou-me, um empresário do ramo da transformação de resinas plásticas, engenheiro mecânico, com atuação e vivência no chão de fábrica, para servir de seu Consultor associado, para cobrir a pré-K, que consiste em mostrar para o mundo (cerca de 70 jornalistas de todos os continentes estavam presentes), as tendências e as máquinas que serão apresentadas na feira de plásticos K, que ocorrerá em Outubro próximo em Dusseldorf, Alemanha.

Presentes ao encontro mais três brasileiros, o Teodoro Dias, da Plassoft Tecnologia Ltda; o Júlio Sortica, da Revista Plástico Sul e a Hellen Corina da Revista Plástico Industrial. Lógico que, como brasileiros em qualquer lugar, essa mistura deu liga e formou um grupo que conseguiu representar, com bastante substância, o negócio da transformação das resinas de material plástico no Brasil. Juntamos a informação jornalistica com a engenharia e a produção em um só grupo formado por acaso. A esse grupo, juntamos o Carlos da Silva Campos, da revista portuguesa Reviplast, dono de um excelente conhecimento de informação técnica e comercial na Europa e que também muito nos ajudou com o que não tínhamos do continente europeu.

As apresentações variaram de talk show a show de tecnologia, de modo a prender a atenção dos presentes.

Foram máquinas injetoras pela Reifenheiser, Battenfeld, Sumitomo e Haitian, com a tendência clara de busca por mais qualidade, eficiência, produtividade e menos custo de energia, manutenção e mão de obra.
Ficou clara a intenção de que, no futuro, as máquinas elétricas tenham um preço menor que as hidráulicas, lembrando que as elétricas devem situar-se na faixa de ciclos menores que 5 s.

A Basf, mais uma vez, além de todo seu portfólio de resinas, apresentou seu paletes inteligente, que inclui um dispositivo eletrônico que garante sua localização, via GPS, a qualquer momento, em qualquer lugar do planeta por sua vida útil de 10 anos, momento em que é recolhido para ser reciclado. Esta idéia faz com que a filosofia "Indústria 4.0" integre o ambiente da produção com a logística, até a entrega dos produtos a quem vai retirá-los dos paletes. 
 O compartilhamento de idéias também foi muito repisada, tanto pela Basf quanto pela Sepro, fabricante francês de robôs, que bate seus próprios recordes de venda desde 2009, e segundo eles, o maior fabricante de robôs para a indústria automobilística. Cada vez mais se espera q os clientes levem aos fabricantes suas necessidades.

Empresas como a Tekuma, Huntsman, Sikora, Erema e Wacker, também apresentaram seus portfólios.  Temos todas as apresentações gravadas em  pen drive à disposição, tanto no Simperj, quanto no Jornal dos Plásticos.   

Marcelo Oazen – Vice Presidente do SIMPERJ

ARLANXEO
BASF
BATTENFELD
ERENA
HAITTIAN
HEKURA
HUNTSMAN
SEPRO
SIKORA
WACKER
LANXESS
LPKF
REIFENHAUSER


Contribuição Sindical

Opiniões anteriores

Fique por dentro das notícias sobre o plástico acessando a página do nosso parceiro.